segunda-feira, 24 de agosto, 2020

Onde às vezes descubro coisas interessantes é, também, através das seleções de Scott Nesbitt.


"Não vai correr tudo bem", uma lúcida, não catastrofista, mas assustadora descrição do que aí vem para as escolas, de Eduardo Sá.


Às vezes acho que exigimos demasiado dos nossos jovens. Embora a maturidade não deva ser muito diferente da que nós tínhamos na idade deles, certo é que hoje eles têm uma série de facilidades, meios e disponibilidade de vias com que nós nem sonhávamos há vinte ou trinta anos. Encomendam refeições, chamam um Uber (ou equivalente), recebem e enviam dinheiro por telemóvel, ombinam tudo e mais alguma coisa à distância de um toque, com toda a panóplia de potenciais disparates inerentes à juventude.


Ontem escrevi algo como "carneiros sedados". Ainda subscrevo. Não é só do outro lado do Atlântico ou aqui mais perto no Reino Unido que os rebanhos são (mal) geridos por pastores idiotas e com uma incrível falência intelectual.

Por cá somos tratados da mesma maneira, mas de formas menos espalhafatosas e noticiáveis.

A ver qual o spinning e o newspeak que aí vem a propósito da gestão da pandemia (curiosamente, desde que o Reino Unido incluiu Portugal no chamado corredor aéreo os casos de infeção reportados diariamente desceram para metade...), da cobardia dos médicos e afins...


More from ego